AVALIAÇÃO DA FIXAÇÃO BIOLÓGICA DE NITROGÊNIO (Azospirillum brasilense) EM MILHO DKB 290 PRO 3 (Zea mays)

Breno Victor Dumas de Almeida, Renato Ficagna, Mauro Junior Natalino da Costa

Resumo


A inoculação bacteriana é um processo de grande importância para a redução do uso de adubos nitrogenados e consequentemente atenuação do custo de produção em várias culturas. O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito de diferentes doses de inoculante via sementes da espécie Azospirillum brasilense na cultura do milho. O experimento foi realizado em casa de vegetação, no Centro Universitário de Várzea Grande, UNIVAG, localizado no município de Várzea Grande, MT. O trabalho foi realizado entre 05 de outubro e 01 de dezembro de 2018. A unidade experimental foi constituída por vasos de cinco litros, com duas plantas por vaso. Utilizou-se o substrato com a proporção 3:1:1 (esterco, areia, terra). Foram implantados cinco tratamentos e cinco repetições, no delineamento em blocos casualizados. Os tratamentos foram  Testemunha sem inoculante: Testemunha sem inoculante e com superfosfato-simples; tratamento com 80 ml de inoculante: tratamento com 100 ml de inoculante e tratamento com 200 ml de inoculante/ha. Analisou-se a altura da planta, diâmetro do colmo, comprimento e peso matéria seca da raiz.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.